Yamaha XSR 155, retrô de baixa cilindrada, é revelada

Yamaha XSR 155, retrô de baixa cilindrada, é lançada nas Filipinas

Yamaha XSR 155



Yamaha XSR 155
Yamaha XSR 155. Foto: Divulgação

A família Yamaha XSR é vendida desde 2016 e consiste basicamente em uma moto da moderna família MT com toques retrô

Na Europa os motociclistas têm à disposição a XSR 900 e a XSR 700, que, respecitivamente, utilizam o mesmo motor da MT-09 e MT-07 vendidas no Brasil.

+ Leilão de carros tem Camaro a partir de R$ 72 mil e HB20 2018 por R$20 mil
+ Honda CRF 450 2021 é revelada nos EUA
+ KLX 700 pode ser a próxima ‘adventure bike’ da Kawasaki
+ Moto pega fogo ao ser desinfectada; veja o vídeo

Para as Filipinas, XSR 900 e XSR 700 não estão disponíveis. Entretanto, a família neoclássica chega agora ao país asiático com a XSR 155, que segue o mesmo visual retrô das irmãs maiores

Yamaha XSR 155
Yamaha XSR 155

A pequena da linha é equipada com um monocilíndro de 155 cm³ e refrigeração líquida, com 19,3 cv de potência máxima a 10 mil giros e torque máximo de 1,49 kgf.m a 8.500 rpm, com transmissão de seis velocidades.

O sistema de transmissão conta ainda com embreagem assistida e deslizante, itens geralmente vistos em motos de maior cilindrada. Outros itens comuns a motos maiores são os faróis dianteiro e traseiro em LED, suspensão dianteira de garfo invertido e balança em alumínio.

O painel LCD é todo digital e conta com indicador de marcha e de consumo, entre outras informações. O preço sugerido da Yamaha XSR 155, no site oficial da fabricante no país, é de 162 mil pesos filipinos( R$ 17.400 em conversão direta).

  • arrow