Novo "EcoSport" da Europa, Ford Puma é revelado na Alemanha

Novo “EcoSport” da Europa, Ford Puma é revelado na Alemanha



Ford Puma (Divulgação)

O SUV compacto Ford Puma foi revelado nesta quarta-feira (26), na Alemanha, trazendo novas tecnologias antes vistas só em modelos de segmentos superiores.

Assim como o EcoSport brasileiro, o Puma também é construído sobre a plataforma do Fiesta. Mas enquanto o Eco é baseado no hatch de 6ª geração, o SUV para a Europa usa o “chassi” do Fiesta de 7ª geração. Isso permitiu a implantação de novas tecnologias no Puma, como o sistema híbrido-leve, o piloto automático adaptativo e o Local Hazard Information (equipamento que recebe informações sobre situações de perigo na rota em tempo real, vindo de outros carros e dos canais de emergência).

Mais sofisticado do que o EcoSport (que deverá seguir a venda na Europa, pelo menos inicialmente), o Puma traz painel digital configurável de 12,3″, sistema de som com 10 alto-falantes e será o 1º SUV compacto a trazer bancos com massagem lombar e tampa do porta-malas com abertura por sensores. O compartimento de bagagem, inclusive, é configurável e pode ser ampliado para até 456 litros de capacidade.

A gama de motores será composta inicialmente pelo motor 1.0 EcoBoost a gasolina, nas versões de 125 e 155 cv. Sempre combinado ao câmbio manual de seis marchas e ao sistema híbrido-leve, o Puma menos potente é capaz de atingir médias de consumo combinado de até 5,4 l/100 km (18,5 km/l) no ciclo WLTP. O novo SUV será produzido na fábrica da Ford em Craiova (Romênia) e chega ao mercado europeu até o fim deste ano.

Ford Puma (Divulgação)
Ford Puma (Divulgação)
Ford Puma (Divulgação)
Ford Puma (Divulgação)
Ford Puma (Divulgação)
Ford Puma (Divulgação)

Ford Puma (Divulgação)
  • arrow