Guinness reconhece recorde de Jessi Combs momentos antes da sua morte - Carro e motos

Guinness reconhece recorde de Jessi Combs momentos antes da sua morte

Guinness reconhece recorde de Jessi Combs momentos antes da sua morte



Guinness reconhece recorde de Jessi Combs momentos antes da sua morte
Guinness reconhece recorde de Jessi Combs momentos antes da sua morte. Foto: Instagram

Jessi Combs foi reconhecida com o título póstumo pelo Guinness como a mulher mais rápida na Terra.

A organização anunciou que registou a velocidade de 841,338 km/h, momentos antes do acidente que viria a ser fatal para a norte-americana. De acordo com o registo, Jessi bateu o tempo de Kitty O’Neil (821,89 km/h), ganhando o recorde de velocidade.

+ Suzuki apresenta nova Intruder 2020 de 155cc
+ Fãs da Tesla não perdoam youtuber após anunciar volta para carros a gasolina
+ Honda faz recall de Civic Touring, Accord e HR-V Touring
+ Bombeiros alertam: não deixe o álcool em gel dentro do carro, há risco de incêndio

Jessi Combs, nascida em Rapid City, na Dakota do Sul, faleceu em agosto passado em consequência de um acidente enquanto tentava bater o recorde de velocidade terrestre, no deserto de Alvord, no Estado norte-americano de Oregon. As autoridades responsáveis pela investigação revelaram que o acidente teve origem numa falha mecânica na roda dianteira do veículo, pe;ca que teria «colapsado» quando o veículo circulava a mais de 800 km/h.

Segundo ainda revelaram as autoridades, os ferimentos sofridos na cabeça foram a causa da morte da piloto norte-americana, instantes antes do veículo se incendiar em pleno deserto.

Piloto, empresária, presença assídua nas redes sociais e tv, como apresentadora em inúmeras séries de sucesso dedicadas ao mundo dos motores, Combs faleceu aos 39 anos.

  • arrow