Acidente com ônibus deixa pelos menos 14 mortos e 32 feridos na BR-376, em Guaratuba - Carro e motos

Acidente com ônibus deixa pelos menos 14 mortos e 32 feridos na BR-376, em Guaratuba

Acidente com ônibus deixa pelos menos 14 mortos e 32 feridos na BR-376, em Guaratuba. Foto: PRF
Acidente com ônibus deixa pelos menos 14 mortos e 32 feridos na BR-376, em Guaratuba. Foto: PRF

Um acidente com um ônibus na BR-376, em Guaratuba, no litoral do Paraná, deixou pelo menos 14 mortos na manhã desta segunda-feira (25), 32 pessoas foram socorridas feridas, sendo sete delas em estado grave, seis com ferimentos moderados e 19 com machucados leves, segundo o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA).

+ Rodízio de veí­culos e zona-azul estão suspensos nesta segunda-feira, dia 25
+ CPTM e Senai abrem processo seletivo com 42 vagas para alunos aprendizes
+ Dwayne Johnson encanta fãs ao desembaraçar cabelo da filha: “Posso ser careca, mas sei uma ou duas coisas”
+ Brasileira Lurdiana Tejas, vira celebridade no Egito após vídeo de dança do ventre viralizar

Acidente com ônibus deixa pelos menos 14 mortos e 32 feridos na BR-376, em Guaratuba. Foto: PRF
Acidente com ônibus deixa pelos menos 14 mortos e 32 feridos na BR-376, em Guaratuba. Foto: PRF

O acidente aconteceu na altura do km 668, no trecho conhecido como Curva da Santa, por volta das 8h30, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Ambulâncias e helicópteros dos bombeiros do Paraná e de Santa Catarina socorreram os feridos moderados e graves e encaminharam as vítimas para Curitiba e Joinville. As pessoas com ferimentos leves foram levadas para Garuva.

A PRF informou que ônibus, com placa de Belém, no Pará, descia a Serra do Mar em direção ao litoral catarinense quando bateu na mureta de contenção, saiu da pista e tombou às margens da rodovia.

De acordo com a PRF, o ônibus saiu de Ananindeua (PA) e tinha como destino Balneário Camboriú (SC), 54 passageiros e dois motoristas estavam no ônibus no momento do acidente. Os feridos foram levados a hospitais de Curitiba e Joinville.

De acordo com a concessionária Arteris Litoral Sul, que administra o trecho, a pista está bloqueada para atendimento do caso. Às 10h45, a fila de veículos era de dez quilômetros.

  • arrow